Você já percebeu que na conta de energia da sua empresa, se ela opera em alta tensão (Grupo A), sempre aparecem valores para consumo na ponta e fora de ponta? Você sabe o que é isso e por que é tão importante você dominar esse conceito? Acompanha com a gente!

O consumo de energia elétrica varia ao longo do dia. No período da madrugada o consumo é baixo, a maioria das pessoas encontram-se dormindo e os equipamentos da sua empresa encontram-se desligados, provavelmente.

No começo da manhã o consumo de energia começa a aumentar quando a empresa começa a entrar em funcionamento e as pessoas a ligarem seus equipamentos residenciais. Durante o horário do meio dia o consumo volta a diminuir com a saída dos funcionários para o horário de almoço, e no final da tarde, quando o expediente chega ao fim, é onde se encontra o maior pico de consumo de energia elétrica no Brasil. É nessa hora que a população volta para casa e liga um grande número de equipamentos, desde televisores até condicionadores de ar.

Sua fatura veio alta por causa do consumo na ponta? Podemos te ajudar! Clique aqui e fale com a gente.

Mas e o que isso tem a ver com a sua empresa? Para os consumidores do Grupo A, ou seja, atendidos em alta tensão, a tarifa de energia elétrica e demanda é diferente durantes esses períodos de menor e maior consumo. Essa foi uma forma de incentivar as empresas a deslocarem o consumo nos horários de pico de consumo para os horários de menor consumo.

Vamos entender agora de forma prática cada tipo de período e tarifa e como ela impacta na conta de energia da sua empresa.

Período Fora Ponta e Tarifa Fora Ponta

O período fora ponta compreende o período do dia onde o consumo de energia elétrica é mais baixo, ou seja, a capacidade máxima das linhas de transmissão de energia está longe de ser atingida. Durante este período, as tarifas de energia elétrica e demanda não sofrem nenhum acréscimo. Isso ocorre principalmente para estimular o consumo durante essas horas do dia, refletindo num maior aproveitamento da capacidade das linhas de transmissão.

O período fora ponta compreende, geralmente, o intervalo das 00:00 às 17:59 e das 21:00 as 23:59, embora esse período possa variar de concessionária para concessionária.

Período de Ponta e Tarifa Ponta

É o período de três horas consecutivas, exceto sábados, domingos e feriados nacionais, definido pela concessionária, em função das características de seu sistema elétrico. No caso de Santa Catarina, por exemplo, a Celesc adota o período das 18:00 às 21:00.

Durante este período, o valor da tarifa de energia elétrica e demanda chega a três vezes o valor da tarifa cobrada nas demais horas do dia.

Este aumento nas tarifas ocorre principalmente para estimular o consumo de energia elétrica durante outros períodos do dia (período fora ponta), o que acarretaria em linhas de transmissão melhor dimensionadas para o atendimento da carga, sem necessitar de um sobredimensionamento para atendimento da demanda por energia elétrica apenas dentro deste período de 3 horas.

Por que é importante conhecer esses períodos

Como você pôde ver, o consumo de energia elétrica durante o período de ponta é bem mais caro que o consumo fora da ponta, em decorrência da tarifa de energia elétrica atingir até 3 vezes o valor de tarifa fora ponta. Conhecer o perfil de consumo da sua empresa permite, portanto, além de um melhor controle de consumo, evitar o consumo de energia elétrica durante este período em que a energia é mais cara.

Leia mais: Como economizar energia elétrica na sua empresa

Além de evitar o consumo, este pode ser deslocado para outros períodos do dia, ficando sujeito a tarifa fora ponta (bem mais barata).

Caso não se possa deslocar esse consumo ou parar as atividades durante essas três horas, a possibilidade e viabilidade de instalação de um grupo gerador pode ser indicada (mediante avaliação técnica e econômica).

Outra possibilidade é a troca de modalidade tarifária, uma vez que a Tarifa Horo Sazonal Verde (THS Verde) apresenta tarifas de consumo na ponta maiores que a Tarifa Horo Sazonal Azul (THS Azul). Em contrapartida, a THS Azul cobra também pela demanda da ponta, ao contrário da THS Verde, em que a cobrança de demanda é única para todas as 24h do dia.

Conclusão

Para que a sua empresa consiga reduzir custos com energia elétrica, conhecer seu perfil de consumo e avaliar o consumo de energia na ponta e fora ponta é de extrema importância e pode trazer resultados satisfatórios com ações simples de serem implementadas.

Através de uma boa gestão de energia e implementação de ações que levem a uma maior eficiência energética, atrelada a um acompanhamento constante do perfil de consumo, é possível detectar o consumo excessivo de energia elétrica nos períodos de ponta e avaliar ações que devem ser tomadas para contornar esse gasto, seja através de deslocamento do consumo para outros períodos do dia, utilização de grupo gerador ou mudança da estrutura tarifária.

Sistemas modernos de gestão de energia podem lhe apresentar todas essas informações de maneira rápida, prática, organizada e simplificada.

E aí, qual é o perfil de consumo da sua empresa? Quer saber se você poderia estar economizando? Fale com a gente e lhe ajudaremos a entender sua fatura.

0 respostas

Deixe uma resposta

Quer entrar na discussão?
Sinta-se livre para contribuir!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *